toyota supra 2018

Novo Toyota Supra é flagrado em testes, lançamento acontecerá em 2018

A Toyota continua o desenvolvimento da nova geração do Supra, o esportivo japonês que marcou época nas décadas de 80 e 90, voltará a vida possivelmente em 2018, o modelo já caminha para a fase final de desenvolvimento, como é possível ver nos flagras publicado pelo site Carscoops, ele já veste sua carroceria de produção, é possível ainda notar como será o desenho dos faróis do novo Supra, ele terá faróis Full LEDs, e assinatura visual com luzes diurnas de LEDS.

novo toyota supra 2018

O novo Supra será feito sobre uma plataforma compartilhada com a BMW, no caso a montadora alemã, usará a base para produzir o Z5, sucessor do roadster Z4. Como é possível ver nos flagras, em comparação com a antiga geração do Toyota Supra, esta nova será menor e mais leve.

novo toyota supra 2018

Informações que circulam na web, afirmam que o novo Toyota Supra  2018 não terá câmbio manual, apenas automático, fato que deve contrariar o desejos dos fãs puristas, também há rumores sobre os motores do novo Supra 2018, ele terá duas opções um quatro cilindros turbo com 248 cv, e um potente seis cilindros com 335 hp, sendo que a tração será traseira.

novo toyota supra 2018

Ainda não há uma data oficial de lançamento, pelo andar o desenvolvimento a Toyota deve apresentar o esportivo em 2018.

Fotos: CarPix via Carscoops.com

 

O Toyota Supra…

toyota supra 1993 2002

Lançado no Japão em 1981 sendo produzido até 2002, o esportivo de dois lugares, foi concebido para ser uma versão evoluída do Toyota Celica, porém fez tanto sucesso que ganhou identidade própria, tendo três gerações, sendo a mais famosa delas a última, lançada em 1993 – mostrado nas fotos, imortalizada pelos jogos de carros como Gran Turismo e Need For Speed, além de claro ser o carro mais famoso do filme Velozes e Furiosos 1.

toyota supra 1993 2002

O Supra na sua versão mais potente em 1996, tinha tinha duas opções de motores o Toyota 2JZ-GE I6, um seis cilindros em linha de 3 litros, aspirado com 220 cavalos de potência, e o 2JZ-GTE I6 Twin-turbo, com 6 cilindros em linha, 3 litros, porém bi-turbo capaz de desenvolver 320 cavalos a 5.600 rpm e ótimos 42.7 kgfm de torque.

A tração é sempre traseira, enquanto a transmissão na versão aspirada era manual de cinco marchas, ou automática de quatro velocidades, enquanto o Supra Turbo vinha sempre com câmbio manual de seis marchas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *