Chevrolet Tracker Freeride – Nova versão traz câmbio manual e menor preço

chevrolet tracker freeride

A disputa entre Chevrolet Tracker e Ford EcoSport vai subir de temperatura, a montadora da gravata dourada deve lançar nos próximos dias no Brasil, o Tracker Freeride, que nada mais é do que uma versão mais acessível do recém lançado  SUV. A configuração Freeride do Tracker será oferecida por um valor entre R$ 67,000 , e contará com menos itens de série do que na versão LTZ, porém a principal novidade será o câmbio manual de cinco de velocidades, até então o Chevrolet Tracker era oferecido apenas com transmissão automática e parte de R$ 71.990 ou R$ 75.490 com todos os equipamentos.

Continua logo após a publicidade...

O Tracker Freeride, abriu mão por exemplo das rodas de liga leve aro 18, em favor de rodas menores aro 16, porém a principal perda ficará por conta do sistema multimídia MyLink, que deu lugar a um sistema de rádio simples provavelmente apenas com MP3 e entrada USB, e claro a transmissão automática de seis velocidade deu lugar a um câmbio normal e tradicional, mecânico de 5 marchas. Além disso os bancos são forrados com tecido ao invés de couro que são de série na versão top.

Visualmente o Tracker Freeride traz um apelo mais aventureiro, como você pode ver na imagem acima – conseguida com exclusividade pelo blog Autos Segredos, a nova versão vem de série com uma bicicleta de 27 marchas customizada pelo departamento de marketing da GM e com racks de alumínio no teto, a lateral do carro é tomada por um aplique de plástico que cobre parte das portas e ajuda a proteger.

Continua logo após a publicidade...

O motor é o mesmo do Tracker LTZ, o conhecido 1.8 16V Ecotec que rende 144 CV com etanol e 140 CV a gasolina, a tração continua 4×2, por enquanto não há previsão de lançamento da versão 4×4. Apesar de ter perdido alguns itens de série a lista de equipamentos é ainda razoável ele traz ABS, airbags frontais, ar condicionado, direção hidráulica, sistema keyless, trio elétrico, computador de bordo, faróis de neblina, rodas de alumínio, pneus 205/70 entre outros itens, mas em uma analise inicial fica devendo bastante para o rival da Ford em sua versão de entrada.

Esta versão Freerider, deve servir de base para a criação da inédita configuração de entrada, LT do Tracker, vindo claro sem a bicicleta e os adesivos nas laterais, e com alguns detalhes a menos no acabamento externo, a Chevrolet quer bater de frente com a principal versão do Ford Ecosport, a Freestyle a mais vendida.

Fonte e fotos: AutosSegredos.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *