Gasolina terá menos álcool a partir de feveiro, para deter a alta do combustível

volkswagen constellation / cana de açucar /álcool

Acima um caminhão da Volkswagen MAN descarrega cana de açucar na usina

Continua logo após a publicidade...

Para evitar a alta desenfreada do álcool no Brasil, o governo federal anunciou nesta segunda-feira (11 de janeiro), que reduzirá em 5% a quantidade de álcool (anidro sem água) misturado a gasolina brasileira passando de 25% para 20%. A medida será valida durante 90 dias, começando a partir de 1° de fevereiro.

Segundos os orgãos oficiais do Governo Federal, o rasão desta medida é devido ao aumento constante do preço do álcool, o que também vinha afetando o preço da gasolina.

Quando sai da usina o álcool combustível, tem duas formas diferentes: o álcool anidro, não contém água e é destinado exclusivamente para ser misturado a gasolina, já o álcool hidratado, é o etanól vendido nas bombas dos postos de combustíveis, que abastece os carros Flex.

Continua logo após a publicidade...

Agora com a nova medida do governo, o álcool anidro que seria misturado a gasolina, passa agora a ser hidratado, aumentado a oferta de álcool no mercado, bem isto teóricamente causaria uma redução do preço final do combustível ao consumidor. Porém não se sabe se esta redução irá acontecer realmente.

cana de açucar /álcool

Outro motivo para esta medida é que a frota de carros Flex nas ruas vem aumentado a cada dia,  e o país está entrado no periodo de entressafra do álcool, na qual a produção do combustível se torna mais difícil, e para completar as fortes chuvas comprometeram e deve continuar comprometendo a produção pelo menos até abril. Com estes fatores o governo teme o desabastecimento interno de álcool, o que elevaria o preço do combustível vegetal às alturas.

Do outro lado da história, segundo especialistas os carros podem passar a consumir um pouco mais de gasolina com a queda na taxa de álcool no combustível, além de passar a poluir um pouco mais. Pessoas ligadas ao setor temem que após a redução do etanól, que o preço da gasolina pode subir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *