Mazda revela o CX-30 – Pena que não virá para o Brasil

mazda cx30

A onda dos SUVs não para de crescer, e este fenômeno não é uma exclusividade do Brasil, mas também no mundo tudo, o que faz as montadoras correrem para lançar novos e melhores modelos nesta categoria, como é o caso da japonesa Mazda, que acaba de revelar o CX-30. O SUV se destaca pelo visual ousado e moderno, interior requintado e bem equipado, porém a grande atração é seu conjunto mecânico inovador para a categoria, ele traz motor com um mini-sistema híbrido e compressão variável.

Continua logo após a publicidade...

mazda cx-30

Clique na imagem para ampliar

Medidas similares a do Jeep Compass

O Mazda CX-30 é montado sobre a mesma base do hatchback Mazda 3, porém suas dimensões são bem maiores, ele tem porte similar ao nosso Jeep Compass, tendo 4,39 m de comprimento, 1,79 m de largura e 1,54 m de altura, a distância entre-eixos é de 2,65 metros, o porta malas do CX-30 acomoda 430 litros.

Continua logo após a publicidade...

mazda cx-30

Design kodo…

O CX-30 bebe da nova e interessante base de estilo da Mazda, chamado de “kodo design” suas linhas são bastante modernas e agressivas, porém sem serem exageradas ou polêmicas, principalmente na dianteira, que tem visual intimidador com grade em formato de boca, faróis finos e com luzes LED, o capô é bastante longo e baixo, o teto é curvo e baixo, e a traseira do CX30 é curta, tem grandes lanternas em LED e estilo limpo. Nas laterais do novo SUV da Mazda, há vincos marcantes que deixam o carro com um porte mais musculoso, além de caixas de rodas amplas, com apliques em plástico. No geral é um estilo que agrada bastante.

mazda cx-30 interior

Clique na imagem para ampliar

Interior do Mazda CX-30 tem acabamento premium..

Passando para o lado de dentro, o Mazda CX-30 também surpreende, a cabine tem visual limpo e minimalista seguindo o já conhecido estilo japonês, porém é muito estilosa e bem acabada, o painel e as forrações das portas são feitos com plástico macio ao toque, a parte superior do painel e os detalhes nas portas trazem revestimentos em couro marrom, que passam uma aparência sofisticada a cabine, há poucos botões físicos, e a tela da central multi-mídia fica meio que escondida dentro do painel, posicionada diretamente no campo de visão do motorista. Os bancos podem ter revestimento em couro branco ou preto, e o assoalho no banco traseiro é plano, detalhes que existem apenas em carros de categoria superior.

O CX30 também estreia novos equipamentos, como sistema de som com 8 ou até 12 alto falantes da marca Bose, sistema multi-mídia com tela de 8.8 polegadas, com Android Auto e Apple CarPlay. Outra inovação é adoção de airbag para os joelhos do motorista de série em todas as versões, além de airbags frontais, laterais e do tipo cortina, totalizando 7 airbags de série em todas as versões.

mazda cx-30

Clique na imagem para ampliar

Mas é na mecânica que o CX-30 se diferencia

O Mazda CX-30 usa o que a montadora japonesa tem de mais avançado em termos de motorização, ele será oferecido com duas opções de motores, um bloco Skyactive Euro6 diesel e a gasolina. Porém o grande destaque está na versão que bebe gasolina.

Primeiro, porque o CX-30 a gasolina conta com a inovadora tecnologia SPCCI (Spark Plug Controlled Compression Ignition), uma tecnologia de injeção de combustível que permite ao motor a gasolina do Mazda ter compressão variável, podendo inclusive trabalhar no mesmo regime alto de compressão alcançado em um motor a diesel. Mas o que isso quer dizer? Na pratica este motor é muito mais econômico que um motor a gasolina comum.

mazda cx-30

Clique na imagem para ampliar

Além disso, o CX-30 em sua versão a gasolina, tem um inédito sistema M-Hybrid, ou meio-híbrido, recurso já usado por marcas premiums como a Mercedes, trata-se de um sistema elétrico separado, com um pequeno motor elétrico de 24 v e 600 kj de baterias de íons de lítio, montado entre as rodas, este motor ajuda ao bloco a gasolina, fornecendo alguns cavalos e torque extra durante certas condições como em acelerações, ou quando o carro começa a parar, recuperando a energia nas frenagens como se fosse um freio-motor.

A Mazda não divulgou a potência nem o torque extra que o sistema mid-híbrido produz, apenas afirma que o motor elétrico pode alcançar sozinho a mesma aceleração do motor a gasolina, e além de ajudar a economizar combustível, já que o motor elétrico alimenta alguns recursos eletrônicos como o ar-condicionado, também deixa o Mazda CX-30 mais ágil e veloz.

Infelizmente a Mazda ainda não divulgou os dados de potência dos motores, nem seu consumo, porém especula-se que tenha o conjunto tenha em torno dos 180 cv de potência e 22,2 kgfm de torque, além de câmbio manual ou automático, ambos com seis marchas.

mazda cx-30

Clique na imagem para ampliar

Tração 4×4 inteligente será de série…

Para terminar, vale apena falarmos do sistema de tração 4×4 feito pela Mazda para o CX-30, batizado de i-Activ AWD, ele usa um controle eletrônico do torque por vetor, GVC, para distribuir de forma automática a tração entre as rodas do eixo dianteiro e o traseiro de acordo com a necessidade, ou seja, o carro automaticamente ajusta sua tração de acordo com o tipo de piso, velocidade ou curva, ou seja, a tração pode variar continuamente de acordo com a condição. A grande vantagem deste sistema, além da segurança e dirigibilidade é a economia de combustível, já que quando não há necessidade o carro anda como um 4×2 normal.

mazda cx-30

Clique na imagem para ampliar

O Mazda CX 30 será um carro global, além do Japão, ele deve ser vendido na Europa e nos EUA, infelizmente a marca Mazda não tem planos de voltar ao mercado brasileiro, a montadora japonesa, vendeu seus carros por aqui durante a década de 1990, saindo oficialmente do Brasil em novembro do ano 2000 e deste então nunca mais retomou suas atividades por aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *