Mini One chega oficialmente ao Brasil por R$ 69.900

mini cooper one 2011

Lançado por aqui em 2009, o Mini Cooper apesar de ser um carro de nicho de mercado, já é considerado um grande sucesso em vendas o modelo compacto acabou se tornando sinônimo de status, e parece que este sucesso deve aumentar, o Mini que até então tinha preço partindo de R$ 80.000, ganha agora uma versão mais em conta e competitiva, é a Mini One, que chega custando R$ 69.650. Confira…

Continua logo após a publicidade...

mini one

Custando exatos R$ 10.800 mais barato que a versão Mini Salt (que até então era a mais acessível do Mini no Brasil), o Mini One perdeu alguns itens de luxo e alguns cavalos no motor, uma dieta que existiu porém não foi nada radical, por exemplo o Mini One traz faróis com luzes simples e não de xênom como das outras versões, algumas partes da carroceria não trazem pintura, como os retrovisores e caixas de rodas, entre outros detalhes, como o teto que é da mesma cor da carroceria. Já do lado de dentro o Mini One traz um acabamento mais simples, os bancos são revestidos em tecidos, o couro reveste apenas o volante. As cores dos revestimentos também são mais sóbrias, diferentes dos tons mais chamativos e alegres das demais versões do compacto.

mini one interior painel

No mais o Mini One traz o mesmo, ou quase, o mesmo dos irmãos mais caros, claro o carro conta com uma lista de equipamentos compatível com um carro deste segmento e categoria, quem comprar um Mini Cooper One terá de série ar-condicionado analógico manual, sistema de som com CD Player e entrada auxiliar AUX-In (não USB), bancos dianteiros com regularem de altura, direção com assistência elétrica, vidros, travas e retrovisores com acionamento elétrico, rodas de alumínio aro 15. O carrinho faz bonito com relação aos itens de segurança, oferecendo freios com ABS e EBD, além de controle eletrônico de tração e de estabilidade, outro destaque são os seis airbag, sendo dois frontais, dois laterais e dois do tipo cortina.

Continua logo após a publicidade...

mini one interior

Na parte mecânica o Mini One conta com o mesmo motor 1.6 das demais versões do Cooper, porém nesta versão ele tem sua mágica reduzida para apenas 99 cv e o torque para 15.6 kgfm – achou pouco, este mesmo motor 1.6 aspirado desenvolve 122 cv na versão Mini Salt, e com um turbo ele entrega 186 cv no Mini Cooper S, um verdadeiro milagre da tecnologia faz este propulsor despejar até 213 cv na versão esportiva John Cooper Works.

mini one 2011

Mas voltando ao Mini One com seu 1.6 aspirado de 99 cv, bem esta potência é bem distribuída por um câmbio mecânico de seis velocidades (atenção mulheres, não há opção de transmissão automática), mas este conjunto de motor e câmbio cumprem bem sua função de empurrar o hatch compacto que mede apenas 3.72 metros, principalmente nas grandes cidades. Para quem gosta de números então ai vai: 0 a 100 km/h em 10.5 segundos e 186 km/h de velocidade máxima, ou seja não é nenhum esportivo mas anda bem pelo que tem embaixo do capô.

mini one traseira

Flávio de Oliveira, gerente de marketing da rede de concessionárias Caltabiano, que é uma das representantes da Mini no Brasil, afirma que a intenção deles é oferecer um produto mais barato, porém sem perder o requinte e status que a marca conseguiu no país. A Mini pretende vender 500 unidades do Cooper One no Brasil até 2011, e parece que isto não será difícil, em cerca de 2 meses a pré-venda do modelo já teve mais de 100 unidades encomendadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *