Novo Dodge Durango – Bruta-monte da Chrysler começa a ser vendido por R$ 179.900

novo dodge durango

A Chrysler iniciou 2013 com um lançamento de peso, literalmente de peso, a marca começou a vender por aqui no Brasil, o abrutalhado SUV Durango. Custando a partir de R$ 179.900, o modelo terá duas versões de acabamento Crew e Citadel, e conta com um poderoso motor V6 3.6L, Pentastar a gasolina de 286 CV de potência. Confira.

Continua logo após a publicidade...

dodge durango 2013

O visual do Durango é de torcer o pescoço, para deixar o carro ainda mais impactante a carroceria é cheia de detalhes cromados, da enorme grade dianteira as belas rodas aro 20

O Durango é potente, bem equipado e tem um interior espaçoso como uma sala de estar, capaz de levar sem aperto até 7 passageiros. Porém o grande destaque desse jipão americano é de longe o seu belo visual, é com isso que a Dodge pretende conquistar o consumidor, a carroceria do novo Durango transborda robustez, com longos 5.08 m de comprimento e 1.8 m de altura, o Dodge certamente vai causar impacto nas ruas.

Continua logo após a publicidade...

dodge durango

Importado dos EUA, o Durango é o irmão maior do Jeep Grand Cherokee, ambos os modelos são feitos sobre a mesma plataforma, e compartilham boa parte dos seus componentes, entre eles o motor PentaStar.

novo dodge durango 2013

Como é o esperado de um carro que custa  R$ 200.000 na versão top de linha. O jipão vem de fábrica muito bem equipado, a versão Crew conta com bancos em couro, central multimídia com tela LCD de 6.4 polegadas e 30 GB de armazenamento na memória, controle climático com zonas individuais de temperatura, rodas de liga leve aro 18, além de equipamentos de segurança como airbags frontais e laterais, freios ABS com EBD, controle de tração e anticapotamento.

dodge durango interior

Já a versão top Citadel sai por R$ 189.900, e traz ainda volante com regulagem elétricas, teto solar, além de um sistema multi-mídia com tela LCD de 10 polegadas para os passageiros do banco traseiro. É possível diferenciar as duas versões, pelas rodas de liga leve (aro 20 na configuração mais cara) e pela grade que é cromada na Citadel. Ambas são equipadas com um câmbio automático de cinco velocidades e tração 4X4, com opção de reduzida.

dodge durango interior

O acabamento interno é tipico dos carros da Chrysler é de boa qualidade porém também não chega ao nível de uma marca premium. A cabine do Durango é bem construída e moderna, porém o plástico do painel poderia ser um pouco mais refinado, ele é quase todo revestido em plástico duro, o mesmo vale para as saídas do sistema de aquecimento que imitam alumínio escovado, mas que  na verdade são de plástico. Mas em contra partida os mostradores do painel são bastante modernos e de visual interessante, o painel também agrada com uma boa ergonomia.

dodge durango

O Dodge Durango é espaçoso é bota espaçoso nisso, com os bancos rebatidos a capacidade de carga chega à 2.390 litros

O Durango é ideal pra quem busca espaço, além de pode levar uma família grande, o carro também tem um porta-malas gigante, com os bancos rebatido ele vira praticamente um furgão, chega a acomodar 2.390 Litros de carga, e tão espaçoso que segundo a Chrysler dá até para levar um sofá de 1.8 m ou uma escada de 3 m.

dodge durango/dodge durango citadel

Para um mamute de mais de 2 toneladas e motor de quase 300 CV a gasolina, o Durango até que tem um consumo frugal, de acordo com dados de fábrica os números são 6.8 km por litro na cidade e 9.8 km na estrada.

dodge durango brasil

Com cara de mau, o Durango chega para dar trabalho a SUV nacionais, como SW4 e Chevrolet TrailBlazer

Entre os alvos do Durango estão outros SUVs pesos-pesado, rivais como Toyota SW4, Chevrolet TrailBlazer, Mitsubishi Pajero Dakar, Land Rover Dyscovery além do novo Hyundai SantaFe que começa a ser vendido aqui no Brasil em fevereiro.

dodge durango

dodge durango

3 Comments

  • otoniel lihares melc disse:

    muito linda já fui ver essa beleza mas pra mim ta faltando um motor, a diesel!!!

  • david disse:

    ca entre nos chamar este motor de poderoso rsrs, é uma piada.

    bem que poderiam trazer com o veterano 5.7 v8 com mais tecnologia e mais força para empurar tanto peso, e uma transmiçao 7 m caia melhor, aumentava o aproveitamento e melhorava o consumo.

    e ainda comparar um suv americano com japones ou brasileiro, nao da ne?.

    comparem com vera cruz da yundai.

    alem de ter motor mais eficiente e economico, a transmiçao e 6m, sem falar no torque.

    pena o modelo estar defasado, mas o preço em compensaçao tambem vale a pena.

    e claro que o durango e melhor mas volta o preço será que vale?

    quem tiver interessado pesquise melhor cada centavo vale.

    poderá ver que poderá ter o mesmo ou mais por menos, sem puxar o saco de nimguem, cada um tem sua opiniao e seu gosto.

  • STEVEN HENRIQUE NEVE disse:

    PUXA , GOSTEI MAIS DO DURANGO DO QUE SEUS CONCORRENTES ,ELE PARECE MESMO CARA DE MAU!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *