Pininfarina Battista – hiper-esportivo elétrico vai de 0 a 100 km/h em 2 segundos

pinifarina battista

O estúdio italiano de design, Pininfarina, é conhecido por produzir alguns dos carros mais bonitos da história, a empresa está marcando presença no Salão de Genebra com um superesportivo próprio (ou melhor hiper-esportivo) chamado Battista. O bólido dotado de motorização elétrica pode atingir os 100 km/h em 2 segundos (isso mesmo 2 segundos, ele é mais rápido que um carro de F1) e atinge uma velocidade final de 350 km/h, apenas 150 exemplares serão produzidos.

Continua logo após a publicidade...

pininfarina battista

Segundo a Pininfarina, o Battista representa uma revolução entre os carros superesportivos, uma prova que é possível combinar desempenho extremo sem beber uma gota de gasolina, ele tem desempenho semelhante ao de um carro de F1, com uma potência equivalente a 1,900 hp e 230 kgfm de torque, para se ter uma ideia o Battista tem quase o triplo da potência de um Lamborghini Aventador que usa um beberrão motor V12. Já a autonomia também surpreende, o Batista em condições normais de uso pode rodar por até são 450 km com uma carga completa das baterias.

pininfarina battista

Continua logo após a publicidade...

Mais veloz que um F1

Em uma aceleração constante partindo de 0 km/h, o Pininfarina Battista alcança os 100 km/h em menos de 2 segundos, porém talvez o que mais chama atenção e de forma certa forma assusta, é que ele é capaz de alcança os 300 km/h em 12 segundos, e pode ir até os 350 km/h.

Este desempenho impressionante em relação a aceleração, pode ser explicada pelos motores elétricos, ao contrário dos carros a combustão que produzem sua potência de forma gradual de acordo com a rotação do motor, em um carro elétrico toda a potência e o torque estão disponíveis quase que de forma instantânea ao pisar no acelerador, o que cria uma capacidade assustadora de aceleração, praticamente impossível de se ter em um carro a gasolina.

pininfarina battista

Conjunto mecânico e as baterias foram criadas pela Rimac

O conjunto mecânico e elétrico do Pininfarina Battista é todo desenvolvido por uma empresa a parte, a Rimac Automobili, uma companhia relativamente nova, fundada em 2009 na Croácia, que trabalha exclusivamente no desenvolvimento de super motores para carros elétricos, a Pininfarina investiu inicialmente 100 milhões de euros para a Rimac desenvolver e construir os motores elétricos do Battista, enquanto a própria Pininfarina ficará a cargo da montagem da carroceria e do interior, tudo será feitos a mão de forma artesanal.

pininfarina battista

Uma usina elétrica sobre rodas

Claro que para tirar 1900 cv de um carro elétrico não é algo fácil, de acordo com a fabricante, foi necessário uma engenharia bastante inovadora, o Battista possui um enorme conjunto de baterias distribuídas sob o assoalho do carro em formato de “T” envolvo por uma carcaça protetora em fibra de carbono, juntas estas baterias formam uma pequena usina elétrica com capacidade para gerar 120 kWh, a eletricidade alimenta quatro motores, um sobre cada roda.  Com esta grande quantidade de baterias um grande problema é como impedir que elas literalmente derretam devido ao aquecimento, para isso a Pininfarina desenvolveu um sistema de refrigeração a líquido, com nada menos do que 5 radiadores espalhados pelo carro.

pininfarina battista

Apesar de ser um carro com aspecto bastante futurista o Pininfarina Battista é um carro homologado para rodar nas ruas. Na traseira há dois pequenos aerofólios ativos, que se elevam de acordo com a necessidade, por exemplo nas frenagens elas se elevam completamente para ajudar a parar o carro, enquanto que em velocidades mais elevadas, elas se abrem de forma mais suave para ajudar a melhorar a estabilidade.

pininfarina battista

Outro recurso legal de ser comentado, é com relação aos freios, o Pininfarina Battista, usa um dos freios mais potentes já colocado em um automóvel de rua no mundo, com discos de cerâmica e carbono com 390 mm de diâmetro cada, na dianteira e traseira, ambos mordidos por super pinças de seis pistões, a energia gerada nas frenagens ajuda a recarregar as baterias do motor elétrico, a suspensão é ajustável de forma eletrônica.  As rodas são aro 21, elas são calçadas por pneus especiais Pirelli P Zero.

pininfarina battista interior

O interior do Pininfarina Battista também impressiona, combina estilo futurista e tecnológico com materiais nobres como couro e alumínio, envolto por uma arquitetura minimalista, destaque para as duas telas de TFT, que exibe as informações do carro da carga das baterias de lítio dos quatro motores elétricos a velocidade, além da imagens do GPS, atrás do volante em uma pequena tela é mostrado a velocidade.

pininfarina battista

História de sucesso da Pininfarina

O bólido é uma belo presente para celebrar o aniversário de 90 anos do estúdio pininfarina, que vai ocorrer no próximo ano. Seu visual é quase tão arrebatador quanto o desempenho, lembra em muito os carros da Ferrari em especial a 488 Pista, e isso não é por acaso, vale lembrar que ao longo de quase nove décadas a Pininfarina desenhou mais de 90 modelos para a Ferrari, inclusive alguns dos carros mais lendários da marca italiana, como a F-40 e a Enzo, além de outras marcas como Fiat, Alfa Romeo, Maserati, Peugeot, e até mesmo para montadoras fora da Europa como Mitsubishi, GM e Chery.

O nome Battista é uma homenagem ao fundador da empresa, Giovanni Battista “Pinin” Farina que morreu em 1966, aos 72 anos.

pininfarina battista

Nas lojas em 2020

De acordo com a Pininfarina, o Battista será comercializado através de uma rede de concessionárias privada (entre 25 e 40 revendas) especializadas na venda de superesportivo ao redor do mundo, entre as cidades confirmadas para receber o carro estão Londres na Inglaterra, Hong Kong na China, Stuttgart na Alemanha e Los Angeles nos EUA, porém cada país poderá ter no máximo 50 unidades do carro, sendo que a meta da Pininfarina é conseguir entregar as primeiras unidades na metade de 2020, o preço ainda não foi revelado.

pininfarina battista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *