Toyota Hilux GR V6 – Com motor de 275 CV picape será vendida no Brasil

toyota hilux gr-s

Quando a Toyota lançou no Brasil a Hilux GR Sport (versão esportiva da picape desenvolvida pela Gazoo Racing, divisão esportiva da marca) muita gente reclamou que a esportividade ficava apenas no visual, faltava um motor mais potente. Atendendo a pedidos e reclamações a Toyota anunciou que irá trazer para o Brasil nos próximos meses uma versão de fato esportiva da Hilux. Chamada de Hilux GR o novo modelo ficará no lugar da GR-S diesel vendida atualmente. A novidade terá um potente motor V6 4.0 a gasolina e começará a ser produzida dentro dos próximos meses na Argentina e de la virá importada para o Brasil.

Continua logo após a publicidade...

A Hilux GR V6 virá equipada com motor 1GR-FE, a gasolina, 4 litros, o bloco é o mesmo utilizado no SUV Land Cruiser Prado e no SW4 produzido na Argentina porém destinado a mercado externos, além de também já ser utilizado na Hilux vendida na Africa do Sul, porém nestes casos este motor sai de fábrica “limitado” aos 238 cv, de acordo com o site Argentina AutoBlog, no caso da Hilux V6 brasileira este motor aspirado será retrabalhado e terá potência em torno dos 275 CV, além de torque de 38.85 kgfm. O bloco V6 trabalha em conjunto com uma caixa automática de seis velocidades com opções de trocas sequenciais por borboletas atrás do volante, a tração será 4×4.

toyota hilux gr-s preta 2020

A Hilux V6 será a pick up mais potente da categoria, pena que será movida a gasolina

Quando chegar ao mercado a Toyota com a Hilux V6 e seus 275 cv terá a pick média mais potente do Brasil, superando a Volkswagen Amarok V6, que atualmente detêm este título, com um motor V6 diesel de 225 cv de potência, porém é bom a gente ressaltar que no caso da Amarok, ela dispõe de motor diesel, que receberá ainda em 2019 uma atualização na potência passando para 258 cv, além de apresentar um torque bastante robusto 59.1 kgfm (maior que o da Hilux V6), também tem um consumo de combustível mais contido. No caso da Hilux V6 e seu motor a gasolina, é melhor a gente nem perguntar quantos km ela fará por litro. Lembrando que as outras rivais como Ford Ranger e Chevrolet S10, tem motores de até 200 cv.

toyota hilux gr-s interior

Interior da Hilux GR-S tem acabamento exclusivo e é mais equipado

Continua logo após a publicidade...

O conjunto de equipamentos de série e o acabamento interno será baseado na atual versão de visual esportivo GR-S (foto acima), até então a versão mais cara da pickup da Toyota. O pacote inclui itens como ar condicionado automático, bancos em couro, banco do motorista com ajuste elétrico, 7 airbags sendo para o motorista e passageiro, laterais, laterais do tipo cortina e para os joelhos do motorista, além de espelho retrovisor interno eletrocrômico, espelhos externos com rebatimento automático elétrico, computador de bordo com tela de 4.2 polegadas no painel de instrumentos, central multimídia com tela de oito polegadas, GPS e TV, revestimentos internos com detalhes exclusivos. O visual externo deve ser o mesmo estilo chamativo da atual versão esportiva GR-S vendida atualmente e mostrada nas fotos, com direito a para-choques exclusivos, rodas aro 17, faixas decorativas nas laterais, santo antônio na caçamba, além de suspensão modificada.

 

toyota hilux gr-s

Quanto custará a nova Hilux V6

A má notícia é que o modelo não deve custar barato, atualmente a Hilux em sua linha 2020 na versão top de linha a gasolina equipada com motor 2.7, 4 cilindros flex, capaz de desenvolver 163 cv, custa R$ 146.590, já a versão mais cara, porém movida a diesel GR-S sai atualmente por R$ 214.690.

Ou seja, assim podemos estimar que a nova Hilux GR V6 a gasolina custará no Brasil algo em torno dos R$ 200 mil a R$ 210 mil. Você deve estar se perguntando mas com motor mais potente V6 de 275 cv ela custará mais barata que a atual GR-S diesel que tem apenas 177 cv ? A resposta mais plausível é sim, já que a diferença atual de uma versão a gasolina para diesel da Hilux é superior a R$ 35 mil, ou seja, se pegarmos a versão atual GR-S diesel (R$ 215 mil) e descontarmos os R$ 35 mil referente ao motor diesel, e acrescentarmos o valor agregado de estar levando um motor V6 cerca de 100 cv mas potente do que o bloco flex atual da Hilux, além do pacote de preparação esportiva GR que custa em torno dos R$ 15 mil, podemos esperar que o valor fique na casa dos R$ 210 mil, até por que, caso venha com preço mais salgado, por exemplo R$ 230 mil, vai ser difícil achar algum interessado em pagar este valor para uma Hilux com motor a gasolina independente da quantidade de cavalos, já que a rival VW Amarok, oferece desempenho similar (V6 225 cv diesel) por interessantes R$ 190 mil.

Entendendo o nome GR ou GR-S

A divisão esportiva  GR (Gazoo Racing) que desenvolve as versões esportivas dos carros da Toyota é dividia em três classes de modificações:

GR-S (GR-Sport): Esta sigla é usada até então pela versão esportiva da Hilux (GR-S), ela classifica carros esportivos, que recebem apenas mudanças, visuais e no interior, porém que mantenham o motor com a potência original, sem modificações.

GR (sigla que será usada pela nova versão V6 da Hilux): Esta denominação é destinada para versões esportivas que também tenham alterações no motor, este será o caso da nova Hilux V6, que será chamada de GR, já que o motor 4.0 V6 terá exclusivas modificações para aumentar sua potência ao equipar a pick up.

GRMN: Esta é a denominação mais radical que um modelo esportivo da Toyota pode receber, esta versão traz ajustes diretos das pistas de corrida, ou mudanças mecânicas mais pesadas desenvolvidas para competição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *