vw t cross

VW T-Cross é apresentado no Brasil, confira todos os detalhes do novo SUV que chega em 2019 com motor turbo 1.4 ou 1.0 e promete subir o nível do segmento

O mercado de SUVs brasileiros é um dos mais competitivos e rentáveis para as montadoras, este segmento é o que mais cresceu e recebeu novidades nos últimos anos. Duramente muito tempo o segmento basicamente se resumiu ao Ford Ecosport, lançado lá em 2003 e outros modelos maiores ou mais caros, em 2011 chegou ao mercado o Renault Duster e em 2012 o Ford Ecosport ganhou uma geração totalmente nova, após isso a procura por este tipo de SUV compacto cresceu tanto que em 2017, os SUVs foram a segunda categoria de carros mais vendida no Brasil, totalizando mais de 23% de todos os veículos emplacados no país, perdendo apenas para os hatchs compactos. Este mega crescimento dos SUV fez com que praticamente todas as montadoras grandes desenvolve-se um SUV compacto para o mercado brasileiro, como a Honda com o HR-V, a Fiat/Jeep com Renagade, a Nissan com o Kicks, a Hyundai com o Creta, a Renault com o Captur, o Chevrolet já optou por importar o Tracker e a Citroën acaba de lancar o C4 Cactus por aqui, faltava apenas a Volkswagen ter um modelo para disputar entre os SUVs compactos. Faltava.

vw t cross brasil

Clique na imagem para ampliar

Para correr atrás do prejuízo por ter chegado em um segmento já aquecido e com modelos consolidados e não se tornar uma mera coadjuvante, a Volkswagen investiu pesado com o T-Cross, um SUV compacto feito sobra a plataforma do Polo e Virtus, com desenvolvimento pensado exclusivamente para o mercado brasileiro. Apesar do carro ter sido apresentado esta semana de forma simultânea no Brasil, China e na Alemanha, o T-Cross brasileiro será exclusivo para o nosso mercado, trazendo além do visual mais robusto, carroceria maior que o modelo  vendido na Europa, tendo maior comprimento, altura e entre-eixos.

Apesar de estar sendo apresentado agora no Brasil, ainda vai demorar alguns meses para que a Volkswagen consiga produzir uma quantidade necessária do modelo na fábrica do São Bernardo do Campo, para abastecer as revendas, a previsão é que comece a ser vendido apenas em abril de 2019. Os preços ainda não foram revelados.

t cross

O estilo do VW T Cross brasileiro é exclusivo para o mercado brasileiro

Design…

O Volkswagen T-Cross tem um design que promete agradar a todos os tipos de público, desde os mais jovens quanto os consumidores mais velhos, suas linhas são modernas e robustas, apostando em um estilo com personalidade própria diferente dos outros SUVs da Volks, sobretudo na dianteira no desenho dos faróis, grade e para-choque, e nas chamativas e futuristas lanternas traseiras, que são integradas por um vidro que corta a traseira do T-Cross de uma lateral a outra, conferindo uma identidade visual própria para o novo SUV compacto da Volks.

 

vw t cross brasileiro lateral

O Volkswagen T Cross brasileiro é 8.5 cm maior que o modelo Europeu, tem 2.65 m de entre-eixos

Dimensões…

Um dos triunfos do VW T-Cross frente a concorrência será o bom espaço interno, graças a ampla plataforma, a mesma do Virtus e Polo, o entre-eixos é amplo, são 2.65 metros, por exemplo o Jeep Renegade é quase 10 cm menor, tendo 2.57 m de entre-eixos já o Honda HR-V tem 2.61 m, já se compararmos com o Ford Ecosport o modelo da Volks tem entre-eixos cerca de 13 cm maior, ou seja, quanto maior o espaço entre os eixos, maior é o espaço interno para os ocupantes, principalmente no banco traseiro.

vw t-cross traseira lanterna

O conjunto de lanternas na traseira do VW T Cross chama a atenção pela sofisticação e modernidade

Apesar de ter entre-eixos amplo, no comprimento geral a carroceria do VW T-Cross brasileiro é bastante compacta tem apenas 4.19 m de comprimento, ele será um dos mais compactos da categoria, por exemplo o Hyundai Creta tem 4.27 m de comprimento, já o Honda HR-V possui 4.29 metros. Por isso houve uma grande preocupação da Volkswagen do Brasil com as dimensões do T-Cross nacional, tanto é que os engenheiros da fábrica de São Bernardo, deixaram o modelo nada menos do que 8.5 cm mais comprido que o T-Cross europeu, além de 1 cm mais largo, tudo para conseguir um melhor aproveitamento do espaço interno sem deixar o carro grande por fora. Como por exemplo o banco traseiro tem seu encosto ajustável, o que permite ao porta malas ter um espaço extra, acomodando entre 373 a 420 litros, dependendo da posição do encosto do banco. Falando em porta malas o VW T-Cross leva vantagem no espaço para a bagagem em comparação com o Jeep Renegade (273 litros) e o Ford Ecosport (365 litros), porém perde para modelos como Hyundai Creta (431 litros) e Honda HR-V (437 litros).

vw t cross brasil interior painel

O acabamento da interior do VW T Cross agrada, pela qualidade e pela possibilidade de personalização, com diferentes cores e texturas

Interior…

As linhas do painel do Volkswagen T-Cross agradam, são bastante modernas e com recortes retos que dão um aspecto de modernidade, o acabamento – pelo menos no modelo top de linha divulgado na apresentação, agrada basante, o painel possui revestimentos em diferentes texturas e cores que poderão ser customizadas ao gosto do comprador, os bancos também possuem revestimentos em alto relevo, há ainda soluções tecnológicas que passam sofisticação a cabine como luz ambiente em LED com cores configuráveis ao gosto do motorista, no console central, em partes do painel, nas maçanetas das portas e na região dos pés, recurso idêntico ao usado no sedan Jetta. Há ainda soluções exclusivas do T-Cross brasileiro que visa oferecer mais praticidade no dia a dia, como suporte ajustável para celular no topo do painel, dois porta copos centrais e diversos porta objetos espalhados pela cabine.

vw t-cross interior

Equipamentos devem ser um dos diferenciais do T Cross…

Assim como fez com o Polo, a Volkswagen aposta em oferecer um T-Cross mais equipado em relação ao ofertado pelos concorrentes, o SUV compacto virá nas versões mais caras com painel 100% digital configurável com display de 10 polegadas, além de sistema multi-mídia de última geração com tela de 8 polegadas, Android Auto e Apple CarPlay e nada menos do que 4 entradas USB (duas para os bancos dianteiros e duas para o banco traseiro), sistema de “Manual Cognitivo” IBM Watson, presente no Jetta e Tiguan, o sistema permite ao motorista conversar com o carro que responde informações sobre o veículo, além de bloqueio eletrônico do diferencial, ar-condicionado digital com saída central para o banco traseiro. A lista de opcionais incluirá itens de luxo como faróis full LED e teto solar panorâmico, sistema de som premium da marca “Beats” com seis alto-falantes e 300 watts de potência, sistema kessy and Go, com destravamento e partida do motor apenas com a presença da chave, de seletor eletrônico de modo de condução com quatro modos: “Normal”, “Ecológico”, “Esportivo” ou “Individual”, além de assistente de estacionamento Park Assist 3.0, capaz de estacionar o carro de forma automática em vagas paralelas ou perpendiculares.

vw t cross painel

A cabine do Volkswagen T-Cross é bem equipada, o modelo pode vir com painel digital configurável e sistema multi-mídia com tela de 8 pol

Na parte da segurança o SUV também subirá o nível, todas as versões do Volkswagen T-Cross virão de fábrica equipadas com seis airbags (dois frontais, dois laterais nos bancos e dois do tipo cortina), além de controle eletrônico de estabilidade e de tração, freio a disco nas quatro rodas, monitoramento da pressão dos pneus, além de assistente de partida em rampas, HHC, que mantém o veículo freado por 2 segundos em partidas em ladeiras, impedindo que o veículo volte.

A lista completa com os itens de série o conteúdo de cada versão, será divulgada em uma data mais próxima quando o T-Cross chegará as revendas em abril.

 

vw t cross brasil

Motores…

Na parte mecânica o T-Cross empregará o que há de melhor em termos de motores e câmbio na Volkswagen brasileira, ou seja motores turbos com injeção direta e câmbio automático de seis marchas, as versões mais baratas virão equipadas com motor 1.0 TSI turbo 3 cilindros flex, emprestado do Polo e do Golf, ele desenvolve até 128 cv de potência, enquanto as versões mais caras, terá um bloco 1.4 TSI flex capaz de desenvolver até 150 cv de força – é o mesmo motor usado no Golf. Independente do motor, o T-Cross terá câmbio automático de seis marchas. Pelo menos por enquanto a Volkswagen não tem planos de lançar o T-Cross no Brasil com motor 1.6 aspirado ou com câmbio mecânico, em um primeiro momento até existirá, porém será destinada apenas para os T-Cross que serão exportados.

vw t cross brasil

Cores e personalização…

Seguindo a tendência de personalização, o VW T-Cross terá a opção de vir com o teto pintado em preto, assim como as colunas frontais, centrais e traseiras, além de uma vasta opção de cores para a carroceria, totalizando 8 cores: branco puro, preto ninja, prata sargas, cinza platinum, vermelho crimson, azul norway e as novas laranja energetic e bronze namibia.

volkswagen t cross 2019

Preços VW T-Cross…

A Volkswagen ainda faz segredo com relação aos preços do T-Cross, porém pelo que o modelo oferecerá e ao valor praticado pelos rivais, podemos esperar que os preços da novidade partam de R$ 80 mil para a versão de entrada, podendo chegar a casa dos R$ 110 mil na versão 1.4 completa.

Deixe um comentario ou opiniao

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *